top of page
1F5F57F6-6EC2-410E-92A7-5FCACDA6B710_edi
Buscar
  • Foto do escritorAriana Cerqueira

Relacionamento Abusivo: Caso Pétala Barreiros



Muito se comentou sobre o caso da Pétala Barreiros que tomou as redes sociais e foi notícia. O relacionamento abusivo que ela viveu. Aqui vamos deixar a fofoca de lado e focar no que é importante, os abusos que ela sofreu do ex-marido rico e pai dos seus filhos, que a tratava como... deixa pra lá. Então cola aqui e vem comigo togedinha!


A Pétala conheceu o ex-marido quando tinha apenas 14 anos de idade e hoje ela está com 21 anos e 2 filhos. Marcos é um empresário do ramo musical, empresário de artistas conhecidos como Alok e Gustavo Lima. Dono da Audiomix e Villa Mix é um homem muito rico e de caráter no mínimo duvidoso porque agir da forma que agia com a Pétala...


Agredia-a em uma relação hierárquica onde o mais forte (ele) abusava da mais fraca (ela).


Não importa o que aconteça, a agressão física, o abuso, esse relacionamento tóxico não pode ser justificável. Pessoas começaram a falar que ele era um homem casado quando ela o conheceu com apenas 14 anos.

Ela engravidou, teve o primeiro filho com 15 anos de idade, ele se separou da primeira mulher. Depois ficaram juntos em um relacionamento tumultuado e acabaram se separando, voltando e o desfecho agora:


Ela teve o segundo filho se separaram de novo e toda essa história do relacionamento abusivo que ela sofreu veio à tona!


Tudo o que falaram sobre ela, de ter 14 anos quando se envolveu com ele, que era casado, trouxeram história antiga do pai dela, nada disso justifica as agressões e abusos que ela sofreu ou que qualquer outra mulher venha a sofrer.


Uma questão crucial que diz respeito ao relacionamento abusivo é fundamental entender que muitas vezes a pessoa que está sofrendo os abusos não sabe que aquilo é um relacionamento abusivo, ela não sabe que aquela situação faz parte de uma situação de quem vive um relacionamento amoroso com abusos e assim continua a relação mesmo sofrendo.


O cara trata mal, a pessoa aceita, depois ele se arrepende, pede desculpas, fala que vai mudar, o abusado acredita, perdoa, mas a realidade continua a mesma.


Esse assunto não era muito comentado, discutido. Se você pensar 5 anos atrás, as pessoas não tinham o conhecimento sobre isso e muitas ainda não o tem.


Que bom que a informação está se espalhando, as pessoas hoje tem mais acesso, basta fazer uma busca no google, YouTube tem vários vídeos que abordam o assunto.


Esse é um tema importante e ainda precisa ser mais espalhado para que mais pessoas recebam essa informação tanto a mulher quanto o homem porque isso acontece independente do sexo, pode acontecer com os dois gêneros.




A Pétala conta, que no início do relacionamento ela era muito criança e não sabia o que era um relacionamento abusivo, infelizmente essa ainda é a realidade de muitas mulheres e homens.


Ela só descobriu que aquilo que vivia era um relacionamento abusivo porque procurou ajuda, fazia terapia.


E quantas pessoas que não podem pagar por terapia sofrem com isso e não sabem? Quantas pessoas acham esse tipo de relação normal?


Para concluir, mulherada. Pessoas, fiquem alertas porque abusos na relação amorosa não é normal!


Se você passa por situações como essas, seja uma agressão física, que é visível, psicológica ou qualquer tipo abuso, entenda que isso não é normal, isso não constitui um relacionamento forte, isso é um relacionamento tóxico e você não tem que aceitar!


Pode ter quem diga:


"Você não vive a situação, não sabe o quanto é difícil sair disso."


Realmente não podemos julgar a vítima porque muitas vezes, ela não sabe que está em uma relação abusiva apesar da informação estar sendo mais divulgada na era em que estamos.


E se você vive uma situação como essa, é preciso parar para pensar que isso não está certo, que isso não é normal e que é preciso tomar algumas atitudes, como por exemplo, procurar ajuda.


Procure aquela pessoas mais próxima que você confia, procure a amiga, o parente, a mãe, um profissional, mas busque por ajuda porque relacionamento abusivo não é normal!




Posts recentes

Ver tudo

Comments


Ebook Grátis
bottom of page